Médicos húngaros têm o mesmo salário que funcionários de fast food

clinic, medical, health care

A Câmara Médica Húngara recorreu ao Primeiro Ministro Viktor Orbán para aumentar os salários dos médicos em início de carreira, que hoje ganham cerca de 494 euros por mês, calculando-se por hora, é o equivalente ao salário de um funcionário comum de qualquer restaurante fast-food.

Segundo Péter Álmos, vice-presidente da Câmara Médica Húngara, na prática, até um especialista ganha menos que um trabalhador comum. Ele também disse que não há previsão do governo de aumento no orçamento para o próximo ano, que já havia sido negociado no parlamento antes da pandemia.

A decisão de não aumentar os salários pode fazer ainda mais médicos deixarem país. Viktor Orbán prometeu benefícios adicionais no valor de 1.450€, o que é bem visto pela comunidade médica. Os médicos também pediram mais regularidade em suas vidas com uma carga horária de trabalho não tão imprevisível, revelou Álmos.

A Câmara Médica propôs que os médicos iniciantes ganhem 8,7€/h, os especialistas 13€/h e um especialista com mais de 41 anos 22€/h. As negociações começaram com o Ministério de Recursos Humanos em janeiro, mas por causa do novo coronavírus , elas tiveram que ser adiadas para depois da pandemia.

Deixe uma resposta